Como a dor do mundo pode te impulsionar pra agir?


Semana passada, a cada imagem que eu via dos bombeiros em Brumadinho eu chorava. ⠀ ⠀ Meu coração dói com a dor do mundo. Imagino que o seu também. ⠀ ⠀ Me conectar com a dor do mundo foi um dos primeiros passos pra eu me responsabilizar por criar realidades mais belas. A dor é tamanha que preciso me movimentar para transformar algo. ⠀ ⠀ Sentir a dor do mundo e estar atento ao som do que está ruindo e se desestruturando é essencial para nos engajarmos na criação de novas realidades. Mas não podemos cair no jogo de algoz e vítima e escoar nossa energia culpabilizando o outro. A transformação é muito urgente para perdermos tempo com isso. ⠀ ⠀ Precisamos nós mesmos criar novas realidades através do que consumimos, em quem votamos, como nos relacionamos, onde e como moramos e - meu estudo de vida - para quê e como trabalhamos. Nós somos aqueles pelos quais seguimos esperando. ⠀ ⠀ Precisamos deixar de buscar por heróis fora de nós. Chega de aguardar por um salvador. Os últimos episódios políticos e espirituais estão deixando claro que a salvação não é externa. É de dentro para fora.⠀ ⠀ Em nosso trabalho, onde investimos tanto tempo e energia, está uma grande força de mudança. O maior presente que recebemos é a vida. Vejo nossos talentos como uma ferramenta de agradecer ao milagre de estarmos vivos nesse planeta que nos provê tudo que precisamos. Nosso trabalho é uma forma de colocar nossos talentos a serviço do Amor e da Vida.⠀ ⠀ Como seu trabalho tem sido uma forma de agradecer ao milagre da vida e de retribuir à Terra por tudo que ela te provê?⠀

  • Facebook - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle