A maturidade para realizar sonhos




O trabalho ideal, o relacionamento dos sonhos, a família perfeita. Sonhamos grande, que bom! Pode ser muito positivo se conectar com a vida ideal, para que isso nos mova em direção a vivê-la.

Com recorrência, contudo, o ideal ainda não se faz possível. Venho percebendo que temos pouca estrutura interna necessária para sustentar nossos sonhos mais profundos e ousados.

Há de se ter maturidade para realizar sonhos!


Há de se percorrer um caminho para poder habitar os sonhos na íntegra. Cada passo de um sonho “não ideal” nos prepara para a próxima fase. Precisamos ir nos comprometendo com os passos possíveis e cada vez maiores para aprendermos a lidar com os desafios e alegrias do porvir.


Vejo pessoas realizando em um curto espaço de tempo projetos grandiosos, ainda sem estrutura interna pra sustentar tanta grandiosidade. Com frequência, passam por desafios que os fazem cair do cavalo e não conseguem voltar a galopar. Precisam dar muitos passos pra trás, pra aprender o que a carreira meteórica não permitiu aprender. Eu já passei por isso. Já assumi sonhos maiores que minhas pernas. Doeu, mas aprendi a dar um passo de cada vez e aprender com cada um deles.


Sustentar sonhos demanda estrutura interna. Precisamos amadurecer passo a passo, aprender a lidar o que a realização de sonhos evoca: o inflar do ego, o vício em crescer, a ganância, a preguiça, a falta de foco, a dificuldade de ter disciplina e compromisso com os próprios sonhos, a vontade de controlar o caminho, o desafio de sustentar a felicidade. É necessário humildade para reconhecer as próprias falhas e incapacidades.


E também coragem para lidar com frustrações, sustentar alegrias, criar estrutura interna para ir além do que se podia até então.


Caminhando com passos do tamanho de nossas pernas, estamos nos comprometendo a realizar nossos sonhos e a não cair na paralisação quando os sonhos parecem grandiosos demais para nós.


Um passo de cada vez, criando estrutura interna para sustentar sonhos cada vez mais grandiosos.


#amadurecimento #sonhos

Posts recentes

Ver tudo

A preciosidade da precisão

A confusão. Um ralo por onde vai a potência criativa. Não sei se quero isso ou aquilo. Como pode? Se eu sou uma, como posso querer coisas diferentes? Onde há impasse, há apego. Onde há apego, há desco

  • Facebook - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle